sexta-feira, 12 de setembro de 2014

ASSOCIAÇÃO DOS OSTOMIZADOS DE MARILIA E REGIÃO

No nosso estado de São Paulo entre outras existem duas entidades d primordial importancia e que são AORP e AOMAR, esta ultima é Associação dos Ostomizados de Marilia e Região. Em materia de dispensação de material para os ostomizados o municipio de Marilia é considerado municipalizado, isto é atende tão somente a ostomizados de Marilia totalizando aproximadamente duzentos ostomizados, porém quanto a entidade traz claramente a palavra Região o que quer dizer que se trata de uma entidade e o proprio Jonais Morais (foto), presidente da AOMAR, reconhece isso e pretende manter relacionamento entre outras entidades como por exemplo a Associação dos Ostomizados Gema Zanini, da cidade de Ourinhos, cujo presidente faleceu e em consequencia fechou. E agora? E os ostomizados?Em tempo recente o seu presidente empenhou-se até numa campanha politica  para não permitir que o polo fosse transferido para Assis, cidade vizinha, e ganhou a causa, mas infelizmente agora, em materia de associação, estamos sem. 
Jonais Morais já está ao par da situação do que está acontecendo, ou seja ostomizados sem entidade e só está esperando fortalecer as suas pernas porque ultimamente estava se locomovendo com auxilio de bengala, prometeu que iria até as duas cidades e fazer o empenho de sua associação. E ele sabe que não temos nenhuma associação em Presidente Prudente e em consequencia toda a alta sorocabana fica sem assistencia sendo que o mais perto era em Avaré, mas esta também está sem ninguem então o mais proximo é Sorocaba onde temos Moacir Cardoso, na presidencia da associação. 
E nessa região prudentina  onde existe polo de dispensação de materiais de ostomia e tomara Deus que seja um polo estadual com capacidade para assistir a toda a região, mas tudo isso é de competencia da AOMAR.
Então as entidades espalhadas por todo o estado de São Paulo são de extrema importancia para os ostomizados. Ainda recentemente a AOOR deu assistencia a uma ostomizada da cidade de Americo Brasiliense porque não sabia onde se cadastrar. O logico seria Araraquara mas esta tornou-se municipal e varias cidades  adjacentes ficaram sem saber como fazer. O ostomizado de Americoa Brasiliense tem que procurar o polo do estado da cidade de Ribeirão Preto, conforme as instruções fornecidas pelo representante da Convatec na região, Carlos Megucci.